Educação (2009): Sobre escolhas e consequências - Dicas de Filmes Pela Scheila

Educação (2009): Sobre escolhas e consequências

Educação é um filme britânico dirigido por Lone Scherfig. O roteiro de Nick Hornby foi baseado em um livro de memórias autobiográficas da jornalista Lynn Barber.

Educação (2009)
Alfred Mollina, Peter Sarsgaard e Carey Mulligan em cena no filme "Educação"

Sinopse - Conhecemos a história de Janny (Carey Mulligan), uma garota de 16 anos, dedicada aos estudos e que sonha conhecer Paris. Porém, o grande sonho de Jack (Alfred Mollina), pai de Jenny, é ver a filha estudando em Oxford. Ele investe nos estudos da filha apostando um futuro brilhante para ela.

A rotina de Jenny muda completamente quando ela conhece um homem charmoso, David (Peter Sarsgaard). Ele é mais velho e lhe apresenta um mundo encantador, cheio de glamour e luxo, deixando a adolescente deslumbrada.

No início Jenny recusa qualquer aproximação de David, mas com o passar dos dias, ela acaba se envolvendo com aquele homem que surgiu no meio de uma tempestade e logo eles iniciam um relacionamento com o consentimento dos pais dela.

Ao lado de Helen (Rosamund Pike) e Danny (Dominic Cooper), o quarteto vive várias aventuras, regradas com muito champanhe e conversas sobre belas artes, viagens e boemia. Mas Jenny precisa fazer uma escolha entre as festas e passeios ou a vida acadêmica em uma universidade conceituada. 

Depois de um inesperado pedido de casamento por parte de David, a jovem Jenny decide abandonar os estudos e dedicar-se ao amado. Recebendo total aprovação do seu pai Jack e de sua mãe Marjorie (Cara Seymour), ela inicia os preparativos para o casório. No entanto, um segredo do passado de David obriga Jenny a tomar uma importante decisão.

O dilema das escolhas


Educação é um filme charmoso e realista. O desenrolar da trama é em cima do dilema de uma adolescente de 16 anos que precisa decidir entre viver intensamente o momento ou adiar sua felicidade visando um futuro grandioso. O filme também aborda o lema no qual acredito Carpe Dien que significa desfrutar o momento presente. Pessoas que pensam demais no dia de amanhã acabam deixando escapar o dia de hoje.

O roteiro é simples, dinâmico e bem executado. Conta uma história polida sobre amadurecimento. O elenco é ótimo e entrega performances marcantes. A requintada fotografia retro é envolvente. Sobre o desfecho, sei que desagrada boa parte do público, mas na minha opinião é um final justo e condizente com a história contada. Educação foi um filme que me cativou e entrou para minha lista de favoritos.

Minha nota: 9.5/10
O filme é: Sofisticado; Charmoso; Reflexivo

Ficha técnica

Título original: An Education
Duração: 100 minutos
Gênero: Drama, Romance
Classificação indicativa: 14 anos
País de origem: Estados Unidos da América
Ano de lançamento: 2009