Filme: A Chorona (2019) - Dicas de Filmes Pela Scheila

quinta-feira, 26 de maio de 2022

Filme: A Chorona (2019)

"La Llorona" é um filme de terror sobrenatural e político guatemalteco lançado em 2019. Foi dirigido por Jayro Bustamante que co-escreveu o roteiro junto com Lisandro Sanchez.

O filme mescla os terríveis acontecimentos da vida real do genocídio guatemalteco com uma das lendas mais famosas da América Latina, La Llorona - uma mulher corroída pelo remorso que perambula em noites de lua cheia, chorando desesperadamente em busca de seus filhos.

A trama gira em tono do infame general Enrique Monteverde (Julio Diaz), inspirado no ex-presidente guatemalteco Efraín Ríos Montt. O general foi acusado de genocídio, julgado por crimes de guerra, declarado culpado e ainda assim libertado sem punição.

Sua casa é cercada por manifestantes que clamam por justiça. A filha do general, Natália (Sabrina De La Hoz), uma médica competente começa a reconhecer que seu pai realmente participou do derramamento de sangue na Guatemala. Enquanto sua mãe, Carmem (Margarita Kenéfic), se mantem relutante, ela não acredita que o marido cometeu tamanha atrocidade.

A maioria dos funcionários pediu demissão. A família necessita de ajuda, então aparece Alma (María Mercedes Coroy), uma jovem misteriosa que diz morar na área montanhosa. A partir do momento que ela é contratada, um choro lamentoso começa a atormentar a família que passa a viver uma paranoia coletiva onde todos os integrantes são forçados a refletir sobre seus erros, preconceitos e culpas.

O genocídio na Guatemala não deve ser esquecido


"A Chorona" é um excelente filme de terror sobrenatural, mas acima de tudo, é um retrato doloroso das atrocidades cometidas contra civis maias em nome da luta contra o comunismo. O genocídio ocorrido na Guatemala nos anos 80 foi um dos eventos mais tenebrosos pelo qual a humanidade já passou. Infelizmente, de lá pra cá, pouca coisa mudou, e diversos povos ao redor do mundo são humilhados e massacrados por governos ditadores que usam o poder que lhes foi confiado para provocar verdadeiros derramamentos de sangue.

O filme é poderoso e assombroso ao mesmo tempo. O uso do terror sobrenatural para contar uma história sociopolítica real  é lindamente poética e dolorosamente amarga. "A Chorona" usa do folclore latino para explorar as feridas políticas ainda abertas do povo guatemalteco, onde elementos de terror são sutilmente usados para reforçar sua eficácia e, em nenhum momento são conflitantes, pelo contrário, se fundem resultando em um filme único, de rara beleza.

Duração: 97 minutos
Categorias: Terror, Drama, Suspense
Classificação: 14 anos
A Chorona (2019)
DOLOROSO; AMARGO; POÉTICO; REFLEXIVO

2 comentários:

  1. Por um momento achei estranho você dar cinco estrelas, mas logo depois vi que não é o mesmo filme que pertence a franquia de Invocação do Mal. Me interessei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conheço o filme da franquia por "A Maldição da Chorona". Não pesquisei, mas acredito que conta a mesma lenda. No caso deste filme o mais assustador são os acontecimentos reais e a frieza de alguns personagens. Terminei de assistir com um amargor na boca. Alguns humanos são piores que monstros.

      Excluir

Obrigada por comentar!