Filme: Se o Natal Fosse Meu (If I Only Had Christmas, 2020) - Dicas de Filmes Pela Scheila

sábado, 1 de janeiro de 2022

Filme: Se o Natal Fosse Meu (If I Only Had Christmas, 2020)

"If I Only Had Christmas" é um doce e carismático romance de Natal dirigido por David Weaver e escrito por Jim Head e Sarah Montana. O filme teve sua estreia em 2020 no canal Hallmark Movies & Mysteries.

Darcy Gale (Candace Cameron Bure) é uma publicitária de Kansas City que ama estar junto com a família, principalmente no Natal. Ela fica desapontada por não ganhar um importante prêmio da empresa onde trabalha. Sua família a encoraja a não desistir. 

Apesar de sentir muita falta de casa e do cachorrinho de estimação, ela viaja para Nova York para contatar Glenn Goodman (Warren Christie), um executivo famoso por ser antipático. Depois de um encontro inusitado, os dois passam a trabalhar juntos em uma campanha beneficente.

Jackie Crow (Jordana Largy), Bridget Tinsley (Lucia Walters) e Riley Lyons (Robert Markus) também se unem a Darcy para enfrentar Winona West (Brenda Crichlow), diretora do financeiro da empresa que bloqueia qualquer contato com o CEO da empresa, o próprio Austin, que ninguém nunca viu. Darcy precisará de muita determinação se quiser conquistar sua tão sonhada posição na carreira.
Filme: Se o Natal Fosse Meu (2020)
Candace Cameron Bure e Warren Christie em cena no filme "Se o Natal Fosse Meu"

Filme de Natal com sabor de nostalgia


"Se o Natal Fosse Meu" contém várias referências ao clássico "O Mágico de Oz" de (1939). Há personagens representando o Espantalho, o Homem de Lata, o Leão Covarde e a Bruxa do Norte e identificá-los torna-se um jogo interessante. 

Confesso que não percebi inicialmente que se tratava de uma homenagem ao maior clássico infantil do cinema, mas conforme a história foi avançado, notei as semelhanças e a partir daí o filme me absorveu por completo. Candace como sempre, não decepciona. Acompanho o trabalho da atriz desde a série de filmes de Aurora Teagarden (que inclusive assisti todos) e gosto do humor inocente que ela coloca em suas personagens. 

Ainda que não esteja na lista dos melhores filmes que assisti do Hallmark, "Se o Natal Fosse Meu" é um ótimo filme que vale a pena ser assistido. É leve, divertido e nostálgico. Perfeito para relaxar sozinho ou com a família.

"Quando um canto do mundo tenta apagar nossa luz, nós não nos escondemos nos arbustos, nós encontramos um lugar novo para brilhar."

Duração: 84 minutos

Gênero: Romance, Drama, Família

Classificação indicativa: Livre

País de origem: Estados Unidos da América

Ano de lançamento: 2020

Minha nota: 9.0/10

O filme é: Divertido; Nostálgico; Inspirador