Dicas de Filmes pela Scheila: Filme: "Um Limite Entre Nós (2016)"

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Dicas de Filmes pela Scheila , Filme: "Um Limite Entre Nós (2016)" , Drama , Lançamento 2016 ,
Textual description of firstImageUrl

Filme: "Um Limite Entre Nós (2016)"

Tempo de leitura:
"Alguns constroem cercas para ninguém entrar. Outros, para ninguém sair."

"Fences" é um filme soberano dirigido por Denzel Washington que também dá um show de interpretação. Lançado em 2016, o filme foi escrito por August Wilson com base na peça de teatro homônima de 1983. Ganhou o Oscar na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, também foi indicado como Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Roteiro Adaptado.

Ganhou o Globo de Ouro como Melhor Atriz Coadjuvante - Filme de Drama, também foi indicado como Melhor Ator - Filme de Drama. Venceu o Critics' Choice Awards na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, recebeu indicações nas categorias de Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Ator, Melhor Elenco e Melhor Roteiro Adaptado. No total, "Fences" ganhou 52 prêmios e recebeu 107 indicações.

A trama é bem simples: conta a história de Troy Maxson (Denzel Washington), um homem aposentado que no passado foi um promissor jogador de beisebol, mas é frustado por nunca ter conseguido profissionalizar-se. Porém, seu filho mais novo, Cory (Jovan Adepo), quer ser um esportista.
Ele trabalha recolhendo lixo das ruas e batalha na empresa para que consiga migrar para o posto de motorista do caminhão de lixo. 
Troy é casado com Rose (Viola Davis). O casal tem mais um filho, Gabriel (Mykelti Williamson), que possui sequelas decorrentes de ferimento na cabeça durante a Segunda Guerra Mundial.
Aos poucos vamos desvendando o passado de Troy através das conversas regadas a bebida com seu colega de trabalho e amigo Jim Bono (Stephen Henderson) e com sua esposa no pequeno quintal atrás de sua casa.
O espectador percebe rapidamente que Troy guarda muito ressentimento por saber que poderia ter sido um grande esportista se o mundo fosse mais justo e enxergasse além da divisão por etnias. Por conta dessa frustração, Troy não quer que o filho siga o caminho do esporte pois considera tal tentativa uma perda de tempo, fato este que gera muitos confrontos entre pai e filho.
"Um Limite Entre Nós" é um estudo profundo de personagem. Troy leva uma vida amarga, que devido a frustração do passado nunca conseguiu enxergar as coisas boas da vida. Ele viveu sem viver de verdade. Enquanto assistia, imaginava o quanto deve ser triste carregar feridas que jamais cicatrizam. Denzel Washington interpreta o papel com naturalidade, é possível captar toda a amargura do personagem através de um simples olhar.
Viola Davis está maravilhosa como Rose, aliás, não conheço nenhuma personagem interpretada pela atriz que não seja impactante. A atriz conduz Rose com a genialidade e graciosidade que somente ela seria capaz de atingir. 
"Um Limite Entre Nós" é um filme com diálogos longos {em razão da sua origem teatral}, mas em nenhum momento o filme é massante. Os cenários são simplistas, quase todas as cenas se passam na casa ou no quintal onde serão construídas as cercas que Rose deseja {não vou mencionar o motivo da divisão do quintal da família Maxson para não quebrar o mistério}. 
"Um Limite Entre Nós" é um filme que faz o espectador refletir sobre barreiras erguidas para se proteger, mas que também isolam. O filme é tocante e sincero, entregando aquilo que foi prometido. 
Mais detalhes na página do IMDb

Duração: 139 minutos
Categorias: Drama
Classificação: 12 anos
Minha Nota: 9,5

Um comentário:

Muito obrigada pelo seu comentário!