28 de dezembro de 2017

Textual description of firstImageUrl

Filme: "Um Cadáver Para Sobreviver (2016)"

"Você é um milagre ou estou alucinado por inanição."

Definir "Swiss Army Man" é um pouco difícil porque ainda não consegui definir se gostei ou não do filme, mas posso garantir que diferente de tudo que já assisti. 

Lançado em 2016, esse filme foi dirigido por Dan Kwan e Daniel Scheinert que também assinam o roteiro.

Na trama, Hank (Paul Dano) está prestes a cometer suicídio por não ter mais esperanças de ser resgatado de uma ilha deserta, vê, na praia, o corpo de um homem que logo descobre estar morto, isso o faz novamente perder as esperanças.
No entanto, o cadáver (Daniel Radcliffe) começa a soltar gazes em uma potência alta o suficiente para ser usado como um jet ski e levar Hank para longe da ilha. 
Se isso lhe causou estranheza, então se prepara, porque além das flatulências de grande propulsão, o cadáver {batizado de Manny} começa a falar, tem ereções e ainda se mostra uma eficiente metralhadora. O novo amigo renova as esperanças de sobrevivência de Hank ao mesmo tempo que vai moldando sua personalidade. 
"Um Cadáver Para Sobreviver" é um filme para poucos, a estranheza do enredo não agrada todos os espectadores. Mesmo eu, que gosto bastante de filmes diferentes, não consegui captar as metáforas da obra. A premissa é toda sobre solidão, aceitação e autoestima, mas não me agradou conforme esperava, pelo contrário, gerou um certo desconforto. 
Bizarro, surreal, nonsense, poético e, infelizmente enfadonho. Talvez, numa próxima tentativa, eu aprecie um pouco mais de "Um Cadáver Para Sobreviver". Por enquanto, a personagem Sarah (Mary Elizabeth Winstead), imagem abaixo, define como fiquei após assistir esse filme.
Mais detalhes sobre o filme na página do IMDb

Duração: 97 minutos
Categorias: Aventura, Comédia, Drama, Fantasia, Romance, Indie
Classificação: 14 anos
Minha Nota: 7,0

Nenhum comentário:

Coleção Filmes de Domínio Público