08/01/2017

Filme: "Águas Rasas (2016)"

"Eu não vou morrer aqui!"

Convenhamos, filmes sobre tubarões vem sendo um desastre atrás do outro, não me refiro aos ataques mas às produções que são fracas, e "The Shallows" é foi uma grata surpresa que o gênero de terror trouxe em 2016. O filme é muito bom. Não impressiona tanto quando o clássico "Tubarão" de Steven Spielberg, mas chega perto. O diretor Jaume Collet-Serra produziu um filme tenso, em que a luta pela sobrevivência mexe com nossos nervos e ficamos na torcida pela protagonista durante toda a trama. 

O roteiro escrito por Anthony Jaswinski é bem simplório. Acompanhamos Nancy (Blake Lively), uma jovem que está em busca de uma praia secreta, local que sua falecida mãe havia visitado quando ainda estava grávida.

De última hora, sua amiga cancela a viagem, deixando Nancy sozinha na praia. Não querendo desperdiçar o momento, ela resolve mergulhar mesmo e surfar um pouco. Logo aparece dois mexicanos que vão embora em seguida.
Quando Nancy adentra mais o mar, acaba achando um cadáver de baleia, encalhado num monte de rochas. Sem querer, chama atenção de um tubarão que a ataca, deixando-a gravemente machucada.
A partir daí, Nancy se refugia em uma das rochas e tenta sobreviver aos ataques do animal. O tempo corre contra ela pois a maré está subindo, sua ferida infeccionando e ninguém sabe onde ela está.
A única companhia que Nancy tem é da gaivota vivida por Sully Seagull, isso ajuda a moça a pensar em um jeito de voltar à praia e despistar seu perseguidor.
"Águas Rasas" pode ser um filme pipoca, mas me agradou bastante. O visual da praia mexicana é paradisíaco (apesar da presença do tubarão). Tem uma trilha sonora escolhida a dedo, e o momento do ataque foi muito bem filmado, aliás, todo o filme é bem feito, desde as cenas da Nancy surfando, até os momentos em que ela está nas rochas lutando para sobreviver. Falando na protagonista, Blake Lively está excelente no seu papel e provou que é uma ótima atriz, contrariando àqueles que a julgam inferior. 
"Águas Rasas" conquistou os críticos, principalmente os norte-americanos, e obteve uma ótima aprovação de 78% no Rotten Tomatoes. Resumindo, o filme veio para provar que um roteiro simples podem se tornar um filme excelente nas mãos das pessoas certas. Recomendo!

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 86 minutos
Categorias: Thriller, Terror, Drama
Classificação: 14 anos
Minha Nota: 9,3

Um comentário:

  1. Assisti a esse filme recentemente e concordo com a maioria de suas palavras. Sem dúvida representa um agradável frescor para o desgastado gênero e provoca tensão com eficiência sem apelar para sustos fáceis. Minha única ressalva é em relação ao ato final, um tanto exagerado e que não condiz com o realismo do restante.

    Muito bacana seu espaço, ainda mais para mim que também sou cinéfilo ;-)

    Beijos Sheilla

    O Mundo Em Cenas

    ResponderExcluir