12/12/2016

Filme: "Nocaute (2015)"

"Quanto mais você apanha mais forte você luta."

"Southpaw" é um filme que me surpreendeu bastante, principalmente por tratar-se de um tema comum em filmes de esportes. Quando comecei a assistir, pensei que fosse mais um filme sobre boxeadores e superação, é sobre isso e muito mais, é um história contada de maneira diferente, e muito bem contada. Não sei se sou sentimental demais, mas o filme conseguiu me levar às lágrimas em diversos momentos.

Lançado em 2015, esse drama esportivo foi roteirizado por Kurt Sutter e contou com a direção do cineasta Antoine Fuqua.

Na trama, conhecemos Billy Hope (Jake Gyllenhaal), que está no auge da sua carreira de boxeador. Sem nunca ter perdido uma luta sequer, Billy, criado em orfanato na cidade de Nova York, conseguiu tudo através do esporte.
Ele é casado com Maureen (Rachel McAdams), que conheceu quando ambos viviam no orfanato e tem uma filha, Leila (Oona Laurence). A família mora em uma enorme mansão e o casal tem uma vida de luxo, regrada à festas badaladas.
Entretanto, um terrível golpe do destino faz o boxeador perder a esposa, Leila é levada pelo Serviço Social, sua casa e seus bens são tomados pelo banco, e Billy volta às ruas, se entregando à bebidas e drogas. Consequentemente ele perde o amor e respeito da própria filha.
Encontrando-se no fundo do poço, pede ajuda para um experiente treinador, Tick Wills (Forest Whitaker) para treiná-lo, este reluta mas acaba aceitando a proposta. Billy quer recuperar sua vida, sua dignidade e, principalmente, o amor da pequena Leila.
A maneira como a história é contada, juntando ao talento do ator Jake Gyllenhaal e a fotografia de Mauro Flore, faz com que "Nocaute" se destaque consideravelmente perante outros filmes sobre boxeadores. As cenas de ação, envoltas de lutas impressionantes, e a carga dramática que consegue demonstrar todo o sofrimento pelo qual os personagens passam, elevam o patamar da obra. 
O motivo pelo qual demorei a ver o filme foi ler algumas críticas desfavoráveis, algo que estou deixando de fazer. Primeiro assisto o filme em questão, depois procuro saber a opinião dos críticos e cinéfilos. Mas voltando ao filme, além de me emocionar em diversos momentos, torci pelo personagem como se fosse uma luta de verdade, Jake Gyllenhaal está impressionante no papel de lutador, tanto no físico muito bem preparado, quanto nas sequências dentro do ringue. 
"Nocaute" é um filme que indico para todos os públicos acima de 14 anos, porque não mostra apenas lutas violentas, vai além, mostra como uma tragédia pode desencadear uma depressão e levar um campeão ao nocaute (isso vale para todas as profissões). Numa situação parecida com a do personagem, algumas pessoas optam pelo caminho mais fácil e acabam se autodestruindo. Mas neste filme acompanhamos a redenção de Billy Hope, o destino lhe golpeou traiçoeiramente, porém, ele conseguiu dar a volta por cima e ir em busca daquilo que era seu por direito.
Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 124 minutos
Categorias: Esporte, Drama, Ação
Classificação: 14 anos
Minha Nota: 9,6

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conteúdo Correspondente