17/12/2016

Filme: "Krampus - O Terror do Natal (2015)"

"É Natal! Nada de ruim vai acontecer no Natal."

"Krampus" é um filme natalino do gênero de terror, mas não é daqueles filmes assustadores, causa mais risos do que sustos. É um terror leve, sem sangue ou violência (algo muito comum nos filmes deste gênero), mas tem um clima de suspense bem equilibrado e uma boa dose de humor.

O filme foi lançado em 2015, sendo escrito e dirigido por Michael Dougherty.

A trama acompanha uma família liderada por Sarah (Toni Collette) e Tom (Adam Scott), que recebe toda o resto da família para o Natal, junto com seus filhos Max (Emjay Anthony) e Beth (Stephanie LaVie Owen).

A família recebe a irmã de Sarah, Linda (Allison Tolman) que traz seu marido Howard (David) e seus quatro filhos, junto com a irritante tia Dorothy (Conchita Ferrell, Two and a Half Men).
As discussões e comilanças fazem com que Max se irrite profundamente e desista do espírito natalino. De repente tudo muda. Na véspera de Natal, a luz acaba e uma tempestade de neve atinge a cidade, deixando-os presos.
Parece uma cidade fantasma, não há mais ninguém nas ruas e isso é perceptível quando Beth resolve ir até a casa do namorado. No caminho, a garota acaba sendo atacada por uma figura enorme que estava no telhado de uma das casas. Quando ela não volta pra casa, todos começam a se preocupar.
As coisas só pioram. Enquanto a família tenta dormir, algo leva uma das crianças. E surgem criaturas bizarras por todos os cantos da casa, uma delas é a entidade mitológica chamada Krampus, que tende a ser o "lado negro do Natal", uma versão sombria do Papai Noel, vinda para punir aqueles que perdeu o espírito de Natal.
Um pouco de história, a figura do Krampus é bastante comum na Áustria, embora ele também apavore criancinhas da Bavária, Hungria, Eslovênia, República Tcheca, Eslováquia, Croácia e nordeste da Itália. Esse ser acompanha São Nicolau — ou o Papai Noel — e, ao contrário do Bom Velhinho, que presenteia os que foram bonzinhos durante o ano, ele pune aqueles que foram malvados e os leva embora em um saco.
Cartão de Natal da década de 30
Sua origem é bem antiga. Há milhares de anos, antes do surgimento do Cristianismo, existia na Europa uma grande variedade de lendas associadas à realização de festejos e sacrifícios para honrar as divindades, para que no ano seguinte a colheita fosse farta. As celebrações costumavam ocorrer no solstício de inverno, e era comum que as pessoas se fantasiassem de demônios e saíssem pelas ruas para pedir comida e bebida. Essas tradições acabaram sobrevivendo ao tempo e se misturando às festividades cristãs, já que o solstício também coincide com a época em que se comemora o Natal.
Voltando ao filme, "Krampus - O Terror do Natal" é um filme interessante, não está entre os melhores do gênero mas vale a pena dar uma conferida, lembra bastante o filme "Gremlins". Gostei do desfecho, confesso que me surpreendeu, realmente não estava esperando um final assim.

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 98 minutos
Categorias: Terror, Comédia, Fantasia
Classificação: 12 anos
Minha Nota: 8,4

Um comentário:

  1. TENHO PRESTADO MAIS ATENÇÃO À SUAS INDICÇÕES DE FILMES E TENHO GOSTADO DE ALGUNS TÍTULOS QUE ASSISTI PELA INTERNET. TEM MUITOS FILMES QUE EU DESCONHECIA.

    ResponderExcluir

Conteúdo Correspondente