14/09/2016

Filme: "Do Mundo Nada Se Leva (1938)"

"As pessoas passam a vida toda procurando e acabam não realizando nada. Porque é preciso coragem, todos tem medo."

É sempre maravilhoso escrever sobre algum filme dirigido pelo grande Frank Capra (do qual sou fã). São obras incríveis, repletas de otimismo e sentimentos bons. É impossível sair de um filme do cineasta sem ter se tornado uma pessoa melhor.  E "You Can't Take It With You" não é diferente, um filme edificante, alegre, sensível, e despretensiosamente faz ótimas críticas ao sistema no qual vivemos, que suga o que há de melhor nas pessoas, tornando-os indivíduos frios e materialistas.

Lançado em 1938, foi escrito por Robert Riskin e é uma adaptação da premiada peça teatral de George S. Kaufman e Moss Hart,. Ganhou o Oscar 1939 nas categorias de Melhor Filme e Melhor Diretor, também recebeu indicações nas categorias de Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Fotografia, Melhor Roteiro, Melhor Som e Melhor Edição.

De acordo com as leis brasileiras, o filme encontra-se em domínio público. Está disponibilizado no meu perfil no VK para quem desejar assistir online ou fazer download.

Esta belíssima comédia nos apresenta a família Vanderhof, que vive à sua própria maneira inventando e vendendo objetos variados à comunidade. O Sr. Martin Vanderhof (Lionel Barrymore) é o patriarca da família, que, num certo dia, abandonou a vida que levava, e que o estava lhe deixando rico; pegou o elevador, desceu e nunca mais voltou a trabalhar naquele lugar.
Na casa dos Vanderhorf também mora Penny (Spring Byington), é a filha única do Sr. Martin, ela dedica-se loucamente a escrever peças de teatro. Seu marido Paul Sycamore (Samuel S. Hinds), ele fabrica fogos de artifício no grande porão da casa, juntamente com DePinna (Halliwell Hobbes), um agregado da família.
O casal tem duas filhas, Alice (Jean Arthur), é a única que trabalha fora, num emprego formal. É a secretária no banco dos bilionários Kirby, e Essie (Ann Miller), que faz doces, e passa boa parte do tempo dançando balé, seu professor é Kolenkhov (Mischa Auer), um russo, nascido em Omsk. Essie é casada com Ed Carmichael (Dub Taylor), ele trabalha como entregador dos doces feitos pela esposa.
Na casa também mora Rheba (Lillian Yarbo) e seu namorado Donald (Eddie Anderson), ela é cozinheiro e ele uma espécie de faz-tudo, ambos são muito bem-humorados. E Poppins (Donald Meek) é o mais novo agregado da família.
No trabalho, Alice conhece Tony Kirby (James Stewart). Ambos se apaixonam e é aí que começam os problemas. Tony é filho do bilionário e poderoso banqueiro Anthony P. Kirby (Edward Arnold). Sua mãe, a soberba Mrs. Anthony Kirby (Mary Forbes) não aceita a ideia do seu único filho se casar com uma moça de classe diferente.
"Do Mundo Nada Se Leva" não mostra como a vida é, mas nos ensina como a vida deveria ser. Aqui, Frank Capra nos mostra, mais uma vez, que persistência e otimismo são antídotos contra o orgulho e a ganância. Costumo dizer que dinheiro compra tudo, menos o essencial para ser feliz. E o que é o essencial? São os valores morais, a união entre a família, a lealdade dos amigos e a vontade de viver a vida da melhor maneira possível. O essencial não está no luxo, mas na simplicidade.
Foi a primeira vez que assisti essa adorável comédia, chorei de tanto rir, também sorri de emoção. Frank Capra consegue mexer com meus sentimentos como poucos. Se fosse possível, eu entraria no filme e arrancaria o vovozinho e traria para a vida real, fiquei encantada pelo personagem do ator Lionel Barrymore, as risadas dele são tão gostosas de ouvir.
"Do Mundo Nada Se Leva" não é um filme só para ser assistido, é um filme para ser compreendido, pois a essência desta obra é capaz de mudar todo o curso da sua vida.

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 126 minutos
Categorias: Comédia, Romance, Drama, Clássico, Domínio Público
Classificação: Livre
Minha Nota: 10,0

Um comentário:

  1. Esse é o tipo de filme que eu gosto, com conteúdo. Estou ansiosa para assistir ❤

    ResponderExcluir