07/08/2016

Filme: "O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei (2003)"

"Como se recupera sua vida antiga? Como é que se continua? Quando em seu coração, você começa a perceber que não há volta… há certas coisas que o tempo não pode consertar, alguns machucados que vão tão fundo que serão eternos.'' 

''The Lord of the Rings: The Return of the King'' concluiu uma das melhores trilogias de todos os tempos. Sendo um dos poucos filmes que conseguiu a façanha de conquistar crítica, público e cinéfilos. O escritor J.R.R.Tolkien, provavelmente não imaginava que seu universo fantástico um dia fosse transformado em uma saga cinematográfica grandiosa, respeitada e caprichada, meio século depois do lançamento da obra literária.  E isso só foi possível graças ao cineasta Peter Jackson, que dirigiu e roteirizou os três filmes, que juntos totalizam quase dez horas do melhor entretenimento.

Lançado em 2003, este filme é facilmente encontrado nas listas dos melhores filmes. E com cenários incríveis, atuações impecáveis, efeitos que beiram a perfeição e um roteiro bem elaborado, o filme conseguiu onze indicações ao Oscar 2004, ganhando as onze estatuetas nas seguintes categorias: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Adaptado, Melhores Efeitos Visuais, Melhor Direção de Arte, Melhor Edição, Melhor Figurino, Melhor Maquiagem, Melhor Mixagem de Som, Melhor Trilha Sonora e Melhor Canção Original. E também recebeu vários outros prêmios importantes do cinema mundial.

O filme começa exatamente nos mesmos pontos onde fomos deixando anteriormente, dando continuidade às ações planejadas. Assim, Gandalf (Ian McKellen), Aragorn (Viggo Mortensen), Legolas (Orlando Bloom) e Gimli (John Rhys-Davies) partem de Roham a Isengard para verificar o trabalho dos seus amigos ents e recolherem os hobbits Merry (Dominic Monaghan) e Pippim (Billy Boyd).
No caminho eles encontram um pallandír – pedra de vidência – que por um deslize acaba revelando os planos de Sauron (Christopher Lee) aos membros da Sociedade do Anel remanescentes. Dessa forma eles descobrem que está sendo planejado um ataque à Minas Tirith, a cidade-branca que permanece ilesa em Gondor é o último reino dos homens. O exército de Sauron é formado por orcs e outras criaturas, entre enormes trolls e os cavaleiros negros Nazgûl, cavalgando terríveis criaturas aladas.
Gandalf e Pippin partem para avisar o regente do local, Denethor (John Noble), mas esse está tomado pela loucura desde que ficou sabendo da morte de seu filho Boromir (Sean Bean) e do estado precário que se encontra o irmão deste, Faramir (David Wenham). Diante desta situação, caberá ao próprio Gandalf organizar as forças de Gondor perante o ataque eminente.
E em um outro ponto da Terra Média, o rei de Roham, Theodén (Bernard Hill), reagrupa seu exército de cavaleiros e se direciona a Gondor para oferecer ajuda, enquanto Aragorn, Legolas e Gimli vão em direção às Sendas dos Mortos em busca de uma ajuda que será decisiva na grande batalha.
Enquanto isso em Mordor, Frodo (Elijah Wood), Sam (Sean Astin) e Gollum (Andy Serkis) continuam a jornada, enfrentando todas as adversidades possíveis, para destruírem o Um Anel, único jeito de assegurar definitivamente a vitória do Bem contra as forças do Mal, e assim reunificar reunificar todos os povos da Terra Média.
Assistir "O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei" é uma experiência única que precisa ser desfrutada calmamente para sentir todas as sensações que o filme é capaz de proporcionar ao espectador. Mesmo quem não gosta do gênero acaba se rendendo ao requinte desta obra. Tudo funciona sublimemente bem, as histórias paralelas se encaixam de maneira tão perfeita que atraem nossa atenção tanto quanto a trama principal.
É difícil encontrar palavras para descrever a perfeição deste filme, poucas - raras - são as trilogias que conseguiram finalizar uma saga desta forma, grandiosamente e inesquecível. A trilogia "Senhor dos Anéis" conseguiu levar fãs e não fãs de fantasia para uma viagem incrível (que durou três anos) à Terra Média, e se tornou uma das mais importantes trilogias da história do cinema.
Algumas pessoas dizem que o encanto diminui após rever a saga, no meu caso foi diferente, ao rever os três filmes fiquei ainda mais deslumbrada com a história e personagens. "O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei" é um Épico que se eternizou e será lembrado por séculos como um dos melhores filmes de todos os tempos.
Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 201 minutos
Categorias: Épico, Ação, Aventura, Fantasia, Drama
Classificação: 12 anos
Minha Nota: 10,0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conteúdo Correspondente