16/01/2016

Filme: "Perdido em Marte (2015)"

"Os piores momentos da vida são precedidos por pequenas observações."

"The Marthian" é um filme muito bom que narra, de forma bem divertida, as tentativas de sobrevivência de um astronauta deixado para trás no Planeta Vermelho, pela sua tripulação. 

Escrito por Drew Goddard, foi baseado no romance "The Martian" escrito por Andy Weir e lançado em 2011. Contou com a direção do renomado cineasta Ridley Scott que várias obras-primas em seu currículo. O lançamento do filme aconteceu em 2015. Foi indicado ao Oscar nas categorias de Melhor Filme, Melhor Ator, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Designer de Produção, Melhores Efeitos Especiais, Melhor Edição de Som e Melhor Mixagem de Som.

Após o sucesso de duas missões tripuladas à Marte, a NASA acaba tendo o seu primeiro infortúnio, que acontece durante uma evacuação às pressas do Planeta Vermelho devido uma forte tempestade.
A tripulação da Ares 3 deixa em solo marciano um dos seus membros, o astronauta Mark Watney (Matt Damon), dado como morto após sofrer um acidente.
Ao despertar, ele se vê completamente sozinho, ferido e sem ter como avisar às pessoas na Terra que está vivo. Com recursos limitados, ele precisa arrumar maneiras de sobreviver até a chegada de um possível resgate.
E, mesmo que conseguisse se comunicar, seus mantimentos terminariam anos antes da chegada de um possível resgate. Ainda assim, Watney não está disposto a desistir. Munido de nada além de curiosidade e de suas habilidades de engenheiro e botânico e um senso de humor inabalável, ele embarca numa luta obstinada pela sobrevivência.
Para isso, será o primeiro homem a plantar batatas em Marte. E Watney conta com a sua criatividade, engenho e espírito para encontrar uma maneira de sinalizar à Terra que está vivo.
Após conseguir contato, a milhões de quilômetros de distância, a NASA e uma equipe de cientistas internacionais trabalham incansavelmente para trazer 'o marciano terráqueo' de volta ao seu planeta de origem.
Enquanto isso, seus colegas de tripulação simultaneamente traçam uma ousada, talvez impossível, missão de resgate. E a população mundial se une na torcida para que Watney retorne em segurança para a Terra.
"Perdido em Marte" é inteligente ao entrecortar as cenas de Mark Watney isolado no Planeta Vermelho com sequências da tripulação (Jessica Chastain, Kate Mara, Sebastian Stan, Askel Hennie, Michael Pena) que o deixou naquela roubada e está retornando para a Terra, e cenas dos técnicos e diretores da NASA (Jeff Daniels, Chiwetel Ejiofor, Kristen Wiig, Sean Bean), que se desdobram para encontrar tentativas de salvá-lo de qualquer maneira.
Mesmo com 144 minutos de duração, o cineasta Ridley Scott imprime um ritmo ágil para contar essa aventura de ficção científica leve e bem-humorada, com toques de thriller e algumas cenas apreensivas. Impossível não gostar pelo astronauta, muito menos não simpatizar com a causa, já que ele consegue tratar de sua condição com leveza e sarcasmo invejáveis. Ele não ficou lastimando a sua condição, mas foi a luta e não desistiu, em hipótese alguma, de sair vivo do Planeta Vermelho.
"Perdido em Marte" é um filme blockbuster, sem grandes aspirações elevadas de cinema, uma ficção científica para as massas que também consegue massagear o ego dos nerds por ciência. A fotografia é fascinante, chega a dar vontade de ir dar um passeio em Marte (se fosse possível, é claro), a trilha sonora também é deliciosa de ouvir. 
Existem outras ficções científicas melhores na visão dos críticos e cinéfilos, mas na minha opinião de espectadora, "Perdido em Marte" é um dos melhores filmes que assisti na vida, raros os filmes que conseguiram me tirar da minha zona de conforto e transportar para dentro da história com tamanha força. Me senti perdida em Marte juntamente com o astronauta e, gostei da sensação.

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 144 minutos
Gênero: Ficção Científica, Aventura, Comédia, Drama
Classificação: 12 anos 
Minha Nota: 10,0