03/02/2015

Filme: "Whiplash - Em Busca da Perfeição (2015)"

"Não há duas palavras mais danosas do que um bom trabalho."

"Whiplash" é um filme intenso do início ao fim e que deixa o espectador sem fôlego. O filme termina, mas continuamos extasiados pelo som da bateria. O roteiro é excelente, aborda assuntos como talento, obsessão, compulsão, pressão, esforço, determinação e objetivos. Além do mais provoca reflexões sobre os limites humanos, éticos e profissionais.

Este drama perturbador foi escrito e dirigido por Damien Chazelle, um jovem diretor de apenas 29 anos de idade. 

O filme recebeu indicações ao Oscar nas categorias de Melhor Filme, e Melhor Roteiro Adaptado. Ganhou nas categorias de Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Edição e Melhor Mixagem de Som.

A história gira em torno do jovem baterista Andrew Neiman (Miles Teller), um rapaz solitário que deseja profundamente ser o melhor baterista da sua geração e marcar seu nome para sempre na história da música americana, assim como, seu grande ídolo Buddy Rich.
Andrew consegue uma vaga no melhor conservatório do país e faz de tudo para atrair a atenção do reverenciado mestre do Jazz, o exigente Terence Fletcher (J.K. Simmons). 
Através de muito esforço e dedicação, Andrew consegue a tão sonhada vaga na orquestra principal do conservatório Schaffer, mas a disciplina rígida mantida por Fletcher transforma o sonho do rapaz em uma obsessão doentia, colocando em risco sua saúde física, mental e até seus relacionamentos familiares e amorosos.
Sendo explorado ao máximo pelo seu mestre, o jovem baterista entra por uma caminho perigoso e autodestrutivo.
"Whiplash - Em Busca da Perfeição" é uma jornada eletrizante. Os cortes sincronizados ao jazz joga o expectador dentro da trama e, de cena em cena, vamos acompanhando a crescente obsessão do jovem músico em busca da perfeição. Entretanto, nada é suficientemente bom para o seu mestre, Andrew repete, por horas a fio, o mesmo trecho musical, até encontrar a sincronia perfeita.
Flatcher é perfeccionista, sedo capaz de identificar um instrumento levemente desafinado em meio a dezenas de notas, e não hesita em protestar rudemente, utilizando métodos cruéis que despertaram uma discussão sobre educação e a fronteira entre incentivar o alunos a darem o melhor de si ou abusar psicologicamente dos mesmos.
A sequência final é algo inacreditável, conseguiu mexer com meu psicológico profundamente. No mais "Whiplash - Em Busca da Perfeição" está entre os melhores filmes que assisti e, apesar do desconforto que causou, entrou para os meus favoritos.
É um filme que merece ser visto por todos os apreciadores de bons filmes.

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Classificação: 16 anos
Nota: 10,0

Confira o trailer do filme:



Apareceu NOT FOUND? Clique Aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário