07/02/2015

Filme: "Garota Exemplar (2014)"

"É um tanto perturbador recordar uma lembrança calorosa e sentir-se profundamente frio."

"Gone Girl" é um filme que mostra o lado cínico da natureza humana. E como sempre, o diretor David Fincher está impecável e nos oferece uma trama repleta de suspense, com reviravoltas atordoantes que mostram toda a insanidade dos personagens. 

Teve lançamento em 2014 e foi baseado no best-seller de Gillian Flynn, responsável também pelo roteiro. Recebeu indicação ao Oscar 2015 na categoria de Melhor Atriz.

A busca pelo casamento perfeito é a maior ambição de Amy Dunne (Rosamund Pike), a famosa 'garota exemplar' que na minha visão não tem absolutamente nada a ver com o título. Essa mulher de beleza fria se revela ao expectador como uma anti-heroína.
Casada com o escritor Nick Dunne (Ben Affleck), aparentemente, Amy tinha uma vida perfeita, mas... Ela desaparece na manhã em que o casal estava completando cinco anos de casamento.
E o marido perfeito acaba se tornando o principal suspeito do sumiço da 'garota exemplar'. O rapaz começa a apresentar um comportamento sociopata.
Esse comportamento estranho deixa a detetive Rhonda Boney (Kim Dickens) intrigada. A policial descobre evidências de problemas financeiros entre o casal, além de disputas domésticas e ameaças.
Em meio a várias pistas sobre o desaparecimento misterioso de Amy, eis que surge o diário particular da moça com revelações bombásticas sobre a relação do casal.
Mas nem tudo que estava escrito no diário era verdade, porém, a vida de Nick se torna uma verdadeiro inferno e ele terá que correr contra o tempo para encontrar Amy e, com a ajuda da irmã Margo (Carrie Coon) tentar provar que é inocente.
E por aí vou parando de revelar o enredo, pois um dos maiores prazeres do espectador é desvendar os mistérios e se surpreender com as reviravoltas, que garanto, são muitas. Particularmente, me senti manipulada, ora acreditava no Nick, ora acreditava na Amy, mas sinceramente, os dois se mereciam, formavam um casal mais perfeito.
Após assistir "Garota Exemplar", certamente surgirá inúmeros questionamentos, seja em relação aos personagens ou mesmo reavaliando as próprias relações amorosas. Nick deu motivos, muitos aliás, mas Amy deveria ter dado um basta na história de amor entre eles. Não considero uma atitude correta, usar a manipulação de pessoas e acontecimentos como maneira de julgar e condenar alguém por seus desvios morais.
O cineasta David Fincher brilhantemente mostra um casamento em ruínas, onde um lado tem desvio de conduta e o outro tem desvio de personalidade. Mas há outra questão na trama que devo comentar nesta postagem, a maneira como o jornalismo sensacionalista distorce informações, capturando pequenos detalhes e transformando em grandes acontecimentos, e nós distraidamente, assumimos o posto de acusador, juri, juiz e carrasco. Acontece muito em tempos de redes sociais.
"Garota Exemplar" é um filme interessante, com direção precisa e elenco muito bom. A trilha sonora é marcante e as reviravoltas são sombrias e reflexivas, sendo assim, recomendo o filme para todos.

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 149 minutos
Gênero: Mistério, Thriller, Drama
Classificação: 14 anos
Minha Nota: 9,3

Nenhum comentário:

Postar um comentário